Artemis 1: cápsula da NASA para transporte de astronautas para a Lua está pronta. E será uma mulher.

22-07-2019 13:28

A cápsula Orion promete fazer história ao levar a primeira mulher à Lua na próxima missão da Agência Espacial Americana.

Artemis 1: cápsula da NASA para transporte de astronautas para a Lua está pronta

Durante o discurso das comemorações dos 50 anos da histórica missão Apollo 11, que colocou o homem na Lua pela primeira vez, o vice-presidente da NASA, Mike Pence anunciou que a cápsula Orion da missão Artemis 1 está pronta, avança o Digi tal Trends.

A missão tem sido apoiada fortemente pelo atual executivo americano, liderado por Donald Trump, sendo o objetivo criar uma plataforma que permita “voos mais altos”, neste caso o derradeiro destino que é chegar a Marte. Recentemente foi concedido um orçamento adicional de 1,6 mil milhões de dólares para acelerar o programa espacial e conseguir o objetivo de chegar à Lua nos próximos cinco anos.

tek artemis 1

A Artemis 1 terá uma cápsula não tripulada Orion que será transportada por um foguetão de próxima geração (Space Launch System). A Orion será apoiada por um módulo alemão, pertencente à ESA, que irá garantir a alimentação, propulsão e sistema de arrefecimento. Os dois módulos necessitam unir-se e ter um painel de proteção de calor instalado. Na próxima fase, a cápsula será testada na base Plum Brook da NASA, em Sandusky, em Ohio. Apenas em 2022 está previsto o lançamento de uma segunda cápsula Orion Artemis 2, com astronautas, destacando-se por ter na equipa uma mulher, aquela que será a primeira a pisar o solo lunar.

A NASA explicou que Ártemis é a deusa da Lua e também irmã-gémea de Apolo (nome da missão que colocou os homens na Lua nas décadas de 1960/70), e por isso tudo se conjuga para a nova e ambiciosa campanha espacial. “Penso que seja muito bonito que 50 anos depois do programa Apolo, a missão Ártemis possa transportar os próximos homens e a primeira mulher à Lua”, referiu anteriormente o administrador da NASA, Jim Bridenstine, citado pelo The Verge, destacando que quer que a sua filha de 11 anos se sinta no mesmo papel que as próximas mulheres que vão à Lua.

Voltar